Amsterdã Judaica

Amsterdã Judaica

Os judeus sefarditas vieram pela primeira vez para Amsterdã no final do século 15, fugindo da perseguição na Espanha e Portugal, e estabeleceram-se atrás de Waterlooplein, cercada pelo Amstel e pelo canal Herengracht. Eles se integraram muito bem à rotina holandesa e prosperaram, com muitos trabalhando na indústria de diamantes. Depois de desfrutar anos de liberdade religiosa em Amsterdã, tudo mudou com a Segunda Guerra Mundial; a maioria dos 100 mil judeus que lá moravam foram transportados para os campos de concentração de Auschwitz e Belsen. Em 1945, menos de 500 sobreviveram.

Atualmente, o Bairro Judaico abriga vários monumentos à vida judaica em Amsterdã.

Leia mais
Excursões e atividades (8)
Categoria
Escolher datas
Filtrar
Remover filtros
Remover filtros
Ordenar por:Padrão









Não consegue reservar online?
+55 (21) 3956-1660
Ligue para +55 (21) 3956-1660