Buscas recentes
Limpar

Estamos empenhados em ajudá-lo a se sentir confiante em sair novamente. Descubra as nossas políticas de cancelamento e o que os nossos operadores estão fazendo para o manter protegido e procure atividades com fortes medidas de higiene e segurança. À medida que a conjuntura atual evolui, deve sempre verificar as regulamentações locais mais recentes sobre o seu destino.

Leia mais

Normândia Atrações

Categoria

Caen Memorial Museum (Mémorial de Caen)
star-5
9
14 excursões e atividades

O Mémorial de Caen, um museu e memorial de guerra, é uma das atrações mais populares da cidade e imperdível para quem visita a Normandia para pagar seus respeitos aos heróis da II Guerra Mundial. Como o local recorda, especificamente, o Dia D e a Batalha de Caen, o sentimento geral que ele ofece é a introdução perfeita para quem pretende ver os vários memoriais na área.

As exposições do museu ilustram a vida na década de 40, durante a guerra, destacando os desembarques do Dia D e a Batalha da Normandia, além de uma cobertura da queda do Muro de Berlim. Os muitos depoimentos pessoais, artefatos e áreas multimídia combinados colocam a guerra em foco de maneira exemplar. Além disso, há jardins britânicos, canadenses e americanos para passear e fazer piquenique.

Leia mais
Ardenne Abbey (Abbey d'Ardenne)
star-4
1
5 excursões e atividades
Se você estiver viajando de Caen para Bayeux à caminho dos lugares históricos da 2ª Guerra Mundial, você vai passar por uma igreja relativamente nova no vilarejo de Saint-Germain-la-Blanche-Herbe. A estética parece antiga, mas a aparência geral é muito recente para ser a estrutura original. Ainda mais depois de visitar tantas igrejas lindas na França, é facil passar desapercebida.

Mas para os historiadores em 2ª Guerra Mundial na Normandia, essa igreja fica no topo da lista de lugares  para homenagear os combatentes da Guerra. Foi lá que os alemães montaram base nas batalhas da Normandia em junho de 1944, e foi lá também que aconteceu uma das mais exímias violações da Convenção de Genebra.

Leia mais
Bayeux Tapestry (Tapisserie de Bayeux)
star-3.5
4
13 excursões e atividades

Há poucas obras de arte do século XI tão famosas quanto a lendária Tapeçaria de Bayeux, listada como Patrimônio Mundial da UNESCO. Medindo quase 70 metros de comprimento, a elaborada tapeçaria apresenta 58 cenas épicas, cada uma cuidadosamente bordada com fios de lã coloridos em um tecido de linho.

Originalmente feita na Inglaterra por volta de 1070, a obra de arte retrata cenas históricas desde a conquista normanda da Inglaterra, terminando na infame Batalha de Hastings de 1066. Navios vikings, cavalarias normandas e saxãs, cenas de sangrentas batalhas e imagens dos reis Edward e William, O Conquistador, são trazidas à vida na tapeçaria, com cada parte legendada em latim.

A tapeçaria, notavelmente preservada apesar de seus quase 1000 anos de idade, tem sido exposta ao público no francês Musée de la Tapisserie de Bayeux desde 1983, tornando-se uma atração muito popular para os visitantes da Normandia.

Leia mais
Bayeux War Cemetery
star-5
54
7 excursões e atividades

O pacífico Cemitério de Guerra Bayeux é o maior dos 18 cemitérios militares do Commonwealth, na Normandia. Ele contém 4.868 túmulos de soldados do Reino Unido e de 10 outros países (incluindo a Alemanha, em contraste com o cemitério Americano em Colleville-sur-Mer). Muitos dos soldados enterrados aqui nunca foram indentificados, e as lápidas simplesmente mencionam “Um soldado conhecido perante Deus”. Os corpos dos outros 1.807 soldados da Commonwealth nunca foram encontrados, e são homenagedos no memorial do outro lado da estrada principal.

Bayeux foi libertada pelos Aliados em junho de 1944 e tornou-se a sede do governo francês até que Paris fosse libertada. Durante este período, os britânicos construíram o anel rodoviário que permitia que veículos militares circulassem ao redor da cidade, e também construiu vários hospitais militares. Muitas das pessoas enterradas no cemitério vieram desses hospitais.

Leia mais
Abbaye aux Hommes
6 excursões e atividades
A Abbaye de Saint Étienne (Abadia de Santo Estêvão) em Caen também é conhecida como a Abbaye aux Hommes (Abadia dos Homens), para distingui-la da Abadia das Mulheres ali perto. Se você achar que ela se parece um pouco com uma catedral inglesa, você estará certo - este exemplo impressionante de arquitetura normanda românica serviu de inspiração para muitas igrejas do outro lado do Canal (mas os visitantes mais observadores irão notar a abside gótica, um sinal de evolução arquitetônica da igreja).

Há dois destaques na Abadia dos Homens; o primeiro é o túmulo de William, o Conquistador, cuja marca na Normandia nunca foi esquecida. O segundo é um tesouro escondido - os jardins da clausura, acessíveis atravessando a Prefeitura. É um outro mundo lá dentro, e o local é incrivelmente popular com os fotógrafos.

Leia mais
Abbaye aux Dames
5 excursões e atividades
A Abbaye aux Dames em Caen também é conhecida como a Abadia de Sainte-Trinité, ou a Abadia da Santíssima Trindade. Como você pode observar, "Abbaye aux Dames" significa Abadia das Mulheres, e isso era o que ela foi - um convento beneditino. Hoje a abadia tem quase mil anos de idade, e é um dos locais que os visitantes de Caen não podem deixar de visitar.

Se a fachada da abadia parece um pouco desgastada, é por causa da sua história; ela foi o local de uma batalha durante a Guerra dos Cem Anos, durante a qual perdeu suas torres originais. O convento hoje serve de lar para os escritórios regionais da Baixa Normandia, mas a abadia, restaurada em 1983, fica aberta aos visitantes. Matilda, a esposa de William, o Conquistador, está enterrada lá, e seu interior é cheio de maravilhosos detalhes arquitetônicos.

Leia mais
Bayeux Cathedral (Cathédrale Notre-Dame de Bayeux)
star-3
1
4 excursões e atividades
Um monumento nacional da França e um dos mais atraentes de Bayeaux, a Catedral de Bayeux é mais conhecida como o lar original da tapeçaria de Bayeux (agora "Memória do Mundo" da UNESCO e exibida no Museu de Tapeçaria de Bayeux, ali perto). Originalmente construída no século XI, a fachada gótica da catedral foi refeita no século XII, mas a maior parte dos interiores em estilo românico permanecem intactos, destacados pela iluminação atmosférica noturna.

Consagrada em 1077 pelo bispo Odo de Conteville, na presença de seu irmão e rei da Inglaterra, William, o Conquistador, os fortes laços ingleses da catedral ficam evidentes em seus afrescos vibrantes, que retratam a vida de Thomas Becket, o Arcebispo de Cantuária, e naturalmente, da icônica tapeçaria de Bayeux, que teria sido encomendada pelo Bispo para decorar a sua nave.

Leia mais
Caen Castle (Château de Caen)
2 excursões e atividades
Vale a pena reservar um dia inteiro para conhecer o Castelo de Caen, ou Château de Caen, para qualquer visitante desta cidade histórica da Normandia. Ele não apenas abriga o Museu da Normandia e o Museu de Belas Artes, ambos cheios de história, mas seus jardins também são muito bonitos e os seus prédios fazem o maior sucesso com os fotógrafos amadores, e escalar as suas muralhas lhe oferece história e uma vista fantástica.

Originalmente concebido em 1025, a construção do Castelo de Caen foi iniciada em 1060 e terminou em 1210 com a finalização das muralhas, que provaram ser uma dádiva de Deus em meados do século 13, quando um cerco na cidade, feito pelo rei Edward III da Inglaterra, não conseguiu passar delas. Hoje em dia, mesmo com as reformas em andamento, ainda há muito para ver nesta fortaleza além dos museus.

Leia mais
Normandy American Cemetery and Memorial
star-5
93
111 excursões e atividades

O Memorial e Cemitério Americano Normando pode muito bem ser o cemitério militar americano mais visitado no mundo depois do de Arlington, e com razão: uma experiência emocional permanece com os visitantes muito tempo depois de eles voltarem de viagem, mesmo que eles nunca tenham dado muita atenção à história da Segunda Guerra Mundial.

Existem quatro características distintas do memorial, localizado em Colleville-sur-Mer, a cerca de meia hora de Bayeux e três horas de Paris. Tem o próprio cemitério, lugar do descanso final de mais de 9 mil soldados, cuja grande maioria perdeu suas vidas lutando na batalha do Dia D da Normandia. Mas existem outros heróis da Segunda Guerra Mundial enterrados aqui também. As milhares de sepulturas alinhadas são uma visão surpreendente, e o sentimento de perda é esmagador. Você verá pequenas pedras na forma da Estrela de Davi sobre as lápides de soldados judeus: este é um costume comum entre os judeus, e elas não devem ser retiradas.

Leia mais

Normândia: outras atrações

Omaha Beach

Praia de Omaha

star-5
1557
125 excursões e atividades

Praia de Omaha foi o local de um dos momentos de combate mais significativos da II Guerra Mundial. No dia 6 de junho de 1944, as tropas americanas receberam a tarefa de assegurar a praia como parte de uma estratégia para desembarcar as tropas Aliadas ao longo de cinco pontos, na costa da Normandia, França. Devido à inesperada força da maré e às defesas alemãs serem mais fortes do que se esperava, os soldados norte-americanos sofreram grandes perdas, 2400 mortes, em um dia de combates sangrentos. Eventualmente, no entanto, o pouso foi bem sucedido, com 34 mil tropas assegurando a área para os Aliados, e, assim, iniciando o fim da guerra.

Os desembarques na Praia de Omaha talvez sejam mais conhecidos atualmente através do filme "O Resgate do Soldado Ryan", que começa com esta batalha e mostra o impacto dos combates e das perdas para as famílias nos EUA. O Cemitério Americano fica em cima da Praia de Omaha e é um memorial bem preservado dos eventos.

Saiba mais
Pointe du Hoc

Pointe du Hoc

star-5
14
97 excursões e atividades

Sendo o ponto mais alto entre as praias de Omaha e Utah, os penhascos de Pointe du Hoc foram um local importante na estratégia de defesa da Muralha do Atlântico contra os Aliados. Então, no Dia D, era um alvo fundamentalmente importante para a libertação da França.

O que pode ser considerado como cliché, o Batalhão Americano Second Ranger escalou os penhascos de mais de 30 metros de altura para apreender as armas que poderiam atirar em barcos aliados. Foi uma batalha épica e mesmo com um perda significativa de soldados, os norte-americanos saíram dela vitoriosos.

Atualmente, o penhasco de Pointe du Hoc é um monumento que comemora esta batalha, sendo construído pelos franceses sobre a base alemã que foi apreendida pelos americanos. Diferentemente de muitos locais da Segunda Guerra Mundial com monumentos e museus, este local tem sido mantido praticamente intocado desde a batalha que aqui ocorreu: aqui, visitantes ainda podem ver as cicatrizes da guerra.

Saiba mais
Mont Saint-Michel

Monte Saint-Michel

star-4.5
936
81 excursões e atividades
Com imponentes e delicadas torres erguendo-se das planas areias brancas, a abadia fica no topo de uma pequena ilha cercada por robustas muralhas, ligada ao continente por uma antiga ponte.
Saiba mais
Utah Beach D-Day Museum (Musée du Débarquement)

Praia de Omaha

star-5
19
17 excursões e atividades
Na praia de Omaha é onde fica o cemitério e memorial de guerra americano. Ele que recebe os viajantes que querem aprender mais sobre a 2ª Guerra Mundial e que também desejam prestar homenagens. Mas o que a maioria não sabe é a praia de Utah foi o ponto extremo oeste da chegada das forças aliadas para o grande "Dia D". E lá tem um museu que fala só sobre isso. Se você estiver planejando ficar em Bayeux para explorar os campos de batalha da 2ª Guerra na Normandia, visitar o museu da praia de Utah deve estar no topo da sua lista.

Ao contrário do cemitério e memorial americano na Normandia, que tecnicamente é considerado território americano, a praia de Utah fica no mais puro solo francês e o museu se chama "Museu de Desembarque Praia de Utah" e o seu lema é "Nosso sacrifício, nossa liberdade". O curioso é que tudo lá dentro do museu está sinalizado em inglês.

Saiba mais
Airborne Museum (Musée Airborne)

Museu Airborne

star-5
5
11 excursões e atividades

A consagrada história dos desembarques do "Dia D" nas praias da Normandia atrai milhares de visitantes anualmente a esta bela região da França. Ao longo de sua costa, agora calma, ficam trilhas, memoriais, cemitérios, museus e recordações gritantes dos acontecimentos do dia 06 de junho de 1944. Quando você estende o olhar sobre as praias, fica fácil imaginar o que exatamente aconteceu naquela época, bem na frente de você.

Mas nem todos os que lutaram naquele dia chegaram de barco. Logo após a meia-noite, pára-quedistas americanos começaram a chegar na região. Em uma série de eventos desafortunados os pára-quedistas não foram capazes de se reunir para prestar um apoio para o ataque iminente, mas a sua chegada desorganizada fez com que os alemães se dispersassem em todas as direções para defender a área, um movimento que, em algumas análises, foi um dos muitos fatores na vitória dos Aliados.

Saiba mais
La Cambe German War Cemetery

Cemitério Militar Alemão de La Cambe

8 excursões e atividades
Como o maior cemitério alemão de II Guerra Mundial na França, o Cemitério Militar Alemão de La Cambe serve como um lembrete comovente das vidas perdidas em ambos os lados nessa guerra. É um local emocionante, com suas cruzes cinzas e lápides escuras que tornam a atmosfera mais sombria do que a dos outros cemitérios ali perto.

Embora ele tenha servido inicialmente como um cemitério americano temporário, atualmente 21222 soldados das Forças Armadas alemãs estão enterrados no La Cambe. No centro do cemitério, uma colina gramada de 6 metros de altura com uma única cruz no topo serve como uma vala comum para 296 soldados, muitos dos quais são desconhecidos. Logo além das imediações do cemitério, o Jardim da Paz La Cambe foi inaugurado em 1996, e é o lar de 1200 plátanos, cada um plantado por um indivíduo ou organização para simbolizar a reconciliação e a paz. Um centro de visitantes também fica na entrada do cemitério e oferece uma visão mais aprofundada sobre os soldados enterrados no local.

Saiba mais
Mulberry Harbour

Porto de Mulberry

24 excursões e atividades
Frequentemente considerado um dos maiores feitos de engenharia da II Guerra Mundial, o Porto de Mulberry era uma estrutura portátil e temporária desenvolvida pelos britânicos para facilitar o descarregamento rápido para as praias no Dia D. Ele era, na verdade, dois portos artificiais diferentes, que foram rebocados através do Canal Inglês e montados ao longo da costa da Normandia naquela manhã. Uma vez em funcionamento, o porto de Mulberry podia locomover 7000 toneladas de veículos e mercadorias por dia.

Os portos ofereciam rampas de desembarque (necessárias para a invasão de uma costa até então desprotegida) aos Aliados. Tempestades violentas sacudiram o Canal Inglês entre 19 e 22 de Junho de 1944, efetivamente destruindo a maior parte de ambos os portos. Mas o que sobrou ainda é visível a algumas centenas de quilômetros de costa de Arromanches, lembrando os visitantes da genialidade na engenharia que emanava dos desembarques do Dia D. As ruínas ficam mais visíveis durante a maré baixa.

Saiba mais
Juno Beach Centre (Centre Juno Beach)

Juno Beach Center

star-5
23
18 excursões e atividades
Mesmo aqueles com apenas uma vaga ideia sobre a 2ª Guerra, sabem que muitos países estavam envolvidos no "Dia D" na costa da Normandia. E assim como os locais de batalha, há memoriais e cemitérios homenageando os bravos heróis das forças aliadas, cada um à sua maneira.

O Juno Beach Center na Normandia é o único museu canadense, e foca em mostrar o heroísmo dos militares e civis canadenses. Fica na Courseulles-sur-Mer, a uma meia-hora de distância de atrações turísticas como Bayeux. Vale lembrar que o museu está fechado durante o mês de janeiro.

A arquitetura dele é inspirada na folha de plátano e para entrar o visitante passa por um antigo bunker alemão. A exibição explica sobre o "Dia D", a importância do Canadá nesse evento e como o país acabou entrando na guerra. Além disso tudo, informações e curiosidades sobre o Canadá de ontem e hoje.

Saiba mais
Bény-sur-Mer Canadian War Cemetery

Cemitério de Guerra Canadense

star-5
5
14 excursões e atividades
O "Juno Beach Center" é o Museu Canadense na Normandia, mas os heróis canadenses das batalhas da 2ª Guerra foram enterrados em dois outros lugares: os cemitérios canadense Bény-sur-mer e  Bretteville-sur-Laize. No primeiro ficam os combatentes de durante e logo depois do "dia D", enquanto no outro cemitério descansam os heróis que perderam suas vidas posteriormente.

 Assim como outros memoriais e locais onde ocorreram as batalhas da 2ª Guerra na Normandia, Bény-sur-Mer fica a meia-hora de Bayeux, onde muitos visitantes se hospedam para visitar a região. Bretteville-sur-Laize fica a 40 minutos, logo após Caen. As duas cidades são consideradas fora do caminho para chegar na maioria dos lugares históricos e, por isso, muitas vezes ignoradas pelos turistas na Normandia. Mesmo assim merecem uma visitinha.

Saiba mais
Pegasus Memorial Museum (Pegasus Bridge)

Ponte Pegasus

star-5
6
16 excursões e atividades
Antes de 06 de junho de 1944 a ponte de Bénouville era simplesmente uma maneira rápida e fácil de os moradores atravessarem o Canal de Caen. Mas as tropas aliadas sabiam que os alemães também usavam esta ponte para enviar suprimentos e reforços para suas tropas ao longo das praias da Normandia - e por isso tornou-se uma prioridade assumir o controle dela o mais rápido possível para ajudar nas operações do Dia D.

E assim, nesse dia, os britânicos da 6ª Divisão Airbone chegaram silenciosamente em planadores e depois de apenas 10 minutos, já tinham assegurado a ponte. A partir de então ela ficou conhecida como a Ponte Pegasus, em honra da insígnia nos uniformes dos bravos soldados. Embora a ponte original tenha sido substituída graças à engenharia moderna, ainda há um memorial no local, bem como um museu que enfoca o papel da Divisão Airborne na Operação Overlord. Um museu relativamente novo, inaugurado no ano 2000, seu acervo continua crescendo e por isso é uma experiência maravilhosa mesmo para quem já veio aqui.

Saiba mais
Honfleur

Honfleur

star-3
2
13 excursões e atividades
Enquanto caminham ao longo do Sena, poucos visitantes sabem daonde o rio vem; mas aqueles que visitam Honfleur, na costa da Normandia, logo descobrem a resposta. Esta tranquila cidade portuária, praticamente inalterada nos últimos 400 anos, é o lugar onde o Sena começa. E bem como em Paris, ele é forrado com um belo paredão e parques bem cuidados que são populares com as famílias e para passeios ao ar livre.

A Igreja Matriz de Honfleur, Sainte-Catherine, é a única que não se parece com qualquer outra na França - por exemplo, é de madeira, e poderia ser confundida com uma prefeitura se não fosse pela sua torre sineira, também de madeira. E o porto é imperdível para qualquer visitante; muitos artistas de rua ficam por lá para pintar os pitorescos edifícios que alinham o Quais, com coloridos barcos ancorados a poucos passos dos cafés e lojas ao ar livre. E às quartas-feiras e sábados há mercados abertos que beneficiam os nativos daqui, bem como aqueles das cidades vizinhas.

Saiba mais
Arromanches-les-Bains

Arromanches-les-Bains

star-4.5
2
10 excursões e atividades
Arromanches-les-Bains, com uma população de pouco menos de 600 pessoas, é uma vila na costa da Normandia. Mas este pequeno ponto no mapa tem um enorme legado que remonta à Segunda Guerra Mundial, lembrado pelo Museu do Dia D, no lugar do porto artificial de Mulberry. Foi aqui que centenas de milhares de toneladas de equipamentos foram levadas para as margens da França pelos Aliados, e serviu como uma das bases militares mais importantes da época.

O próprio museu é uma visita obrigatória para qualquer um que queira pagar seu respeito aos heróis da Segunda Guerra Mundial; de modelos de veículos a um panorama de como suas margens se pareciam na época e ruínas da guerra espalhadas pelo porto, é uma atração inesquecível para a apreciação do quanto importante foi o Dia D.

Saiba mais
Sword Beach

Sword Beach

star-4
2
9 excursões e atividades
Para os viajantes curiosos e "historiadores", os locais das batalhas da 2ª Guerra Mundial na Normandia são uma excelente atração. O que acontece é que a maioria dos turistas acaba optando por visitar os locais mais famosos e populares: memoriais, museus de Omaha e as praias de Utah. Mas se você seguir em direção leste de Bayeux ao invés de oeste, vai encontrar uma variedade de lugares como memoriais e museus dedicados ao "Dia D" que não são tão explorados turisticamente.

Passando pelas tranquilas cidades costeiras de Ouistreham e Lion-sur-Mer fica difícil imaginar que grandes batalhas de guerra aconteceram por lá. Mas essas praias ainda nativas já estiveram abarrotadas de soldados e batalhões se preparando pra invadir os bunkers dos alemães. Apenas a alguns kilômetros de distância você vai encontrar pelos menos uns 10 locais de visitação. Não tem como deixar de explorar essa região de Bayeux.

Saiba mais
Lisieux Cathedral (Cathédrale Saint-Pierre)

Catedral de Lisieux

8 excursões e atividades
Com a sua fachada gótica de frente para o central Place François Mitterrand é impossível não notar a Catedral de Lisieux, ou a Catedral de Saint-Pierre. Construída no local de uma antiga igreja romana, a catedral remonta ao século XII e é um dos primeiros exemplos de design gótico na França, agora preservado como um monumento nacional.

Além da sua arquitetura notável, a Catedral de Lisieux também é famosa como o local de descanso final do Bispo Cauchon, que ficou conhecido por supervisionar o julgamento de Joana d'Arc.

Saiba mais

icon_solid_phone
Reserve online ou por telefone
+55 (21) 3956-1660
+55 (21) 3956-1660