Buscas recentes
Limpar

Estamos empenhados em ajudá-lo a sentir-se confiante a sair de novo. Descubra as nossas flexíveis políticas de cancelamento e o que os nossos operadores estão a fazer para o manter protegido e procure atividades com medidas de higiene e segurança aumentadas. . À medida que a conjuntura atual evolui, deve sempre verificar as regulamentações locais mais recentes sobre o seu destino.

Leia mais

Austrália e o Pacífico Atrações

Categoria

Great Barrier Reef
star-4.5
295
44 excursões e atividades

A Grande Barreira de Corais é o maior tesouro natural da Austrália, e o maior recife de corais do mundo. Este paraíso das maravilhas subaquáticas se estende por 2300 km a partir de Bundaberg ao extremo norte da Austrália. Sua parte mais próxima, fica a apenas 30 km de distância da costa de Queensland.

A Grande Barreira de Corais abrange quase 3 mil recifes individuais. Sua beleza multicolorida é composta de 400 tipos de pólipos de coral vivos e mortos, que abrigam cerca de 1500 espécies de peixes, 4000 tipos de moluscos, 500 de algas, 200 de aves, 1500 de esponjas e meia dúzia de variedades de tartarugas.

A Grande Barreira de Corais também é pontilhada com cerca de 900 ilhas, incluindo ilhotas de corais, como Green Island e Heron Island, juntamente com as ilhas de areia Whitsundays. Recifes cercam as ilhas, enquanto o recife externo fica de costas para o continente e ilhas, e fora do mar.

Leia mais
Nitmiluk National Park (Katherine Gorge National Park)
star-4.5
93
15 excursões e atividades

Nitmiluk (também chamado de Katherine Gorge) é o caminho profundo esculpido no arenito pelo Katherine River, e o Nitmiluk (Katherine Gorge) National Park é onde você pode desfrutar da experiência deliciosa do desfiladeiro, seja nadando nele (às vezes com inofensivos crocodilos de água doce), fazendo canoagem ou caminhadas em torno dele, admirando-o de uma plataforma de observação, sobrevoando-o de helicóptero... ou combiando qualquer um dos anteriores.

O parque é administrado pelos proprietários Jawoyn, em conjunto com o governo australiano. É um lugar bem equipado com muitas instalações para visitantes (e muitos visitantes, especialmente na temporada seca). Você pode escolher a sua atividade, desde relaxar no seu acampamento ou no café do centro de visitantes até fazer programações mais extenuantes. Mas não deixe de fazer pelo menos uma caminhada longa, seja para ver a arte rupestre aborígine, ou se exercitar o suficiente para precisar se refrescar no rio.

Leia mais
Green Island
star-4
130
22 excursões e atividades

Green Island é um parque nacional marinho protegido de cerca de 26 km ao largo de Cairns. O local é cercado por belos recifes de coral, coberto por uma floresta tropical virgem e rodeado de praias de areia branca.

Mergulho e snorkeling são populares por aqui, e a vida marinha inclui infinitas variedades de peixes coloridos, tartarugas, moluscos gigantes, conchas, estrelas e anêmonas do mar.

Leia mais
Agincourt Reefs
star-5
13
8 excursões e atividades
A Grande Barreira de Coral é a maior estrutura da Terra inteiramente construída por organismos vivos. Ela se estende por quase 2 mil quilômetros da sua extremidade norte à sul, e é quase do tamanho do Estado de Montana se os seus vários recifes forem combinados. Um dos recifes - o Agincourt - é uma seção distante ao longo da ponta norte do recife, onde a impressionante biodiversidade cria um dos ecossistemas mais puros encontrados em toda a sua extensão.

Conhecido como um tipo de "faixa de recifes", o Agincourt é paralelo à linha da plataforma continental. Espécies exóticas, como o bodião Maori, são comumente encontradas ao longo do recife, e tubarões, arraias e até baleias podem ser vistos em um mergulho no recife. Mesmo para os viajantes que vão apenas ver com snorkel, há seções do recife bem rasas logo abaixo dessas cristalinas águas azul-turquesa. Aqui, nessas lagoas rasas, milhares de peixes habitam um recife que explode em vitalidade e cor.

Leia mais
Lake Wakatipu
71 excursões e atividades

O reluzente Lago Wakatipu é o maior lago da Nova Zelândia. Com a forma de um N invertido, ele é um dos destaques de uma viagem para Queenstown, que fica aninhada em uma curva perto do meio do lago.

Durante a Era do Gelo, uma enorme geleira esculpiu o lago, que chega a uma profundidade de 400 metros. As montanhas circundantes que alimentaram a geleira conferem um cenário dramático às águas cristalinas.

A pressão atmosférica faz com que o lago suba e desça cerca de 12 centímetros a cada 5 minutos e isso originou a lenda maori que diz que o movimento d'água é o coração de um gigante adormecido dentro do lago.

O magnífico lago foi o local de gravação das cenas de Lothlorein em O Senhor dos Anéis.

Se você deseja entrar em suas águas da maneira mais conveniente, suba a bordo do navio a vapor vintage TSS Earnslaw. Os cruzeiros pelo lago o levam até o Walter Peak, onde você pode ver uma fazenda em funcionamento.

Leia mais
Magic Mountain
13 excursões e atividades
A Montanha Mágica fica na ilha de Moorea na Polinésia Francesa. Embora as montanhas em Moorea não sejam extremamente elevadas, elas são particularmente acidentadas. A Montanha Mágica é um dos pontos mais altos da ilha. Ela fica ao longo da parte externa da ilha, e oferece uma vista de 360 graus espetacular da ilha e para as águas azuis circundantes da lagoa e do oceano. No caminho até a montanha, os visitantes passarão por aldeias, vales panorâmicos, árvores frutíferas e plantações de abacaxi.

A Montanha Mágica permite que os visitantes experimentem o cenário de tirar o fôlego de uma antiga ilha vulcânica. A montanha não é acessível para carros normais e só pode ser alcançada por veículos de tração ou ATV. Por esta razão, a melhor maneira de experimentar a magia dessa montanha e os seus pontos de vista é fazer um tour da ilha que inclua uma viagem até ela.

Leia mais
Huka Falls
star-5
5
13 excursões e atividades

Uma das atrações naturais mais visitadas da Nova Zelândia, pouco mais de um quilômetro ao norte da cidade de Taupo, as poderosas Huka Falls são as maiores quedas no Rio Waikato, caindo de um penhasco de 20 metros para as piscinas de pedra lá em abaixo. Alimentada pelo grande Lago Taupo (o maior de água doce da Austrália), as quedas são criadas pelo estreitamento dos 100 metros de largura do rio em uma passagem rochosa estreita, impulsionando 220 mil litros de água (o suficiente para encher duas piscinas olímpicas) por segundo sobre a borda do precipício. Graças ao aumento da pressão por trás da pedra, uma poderosa cachoeira é formada.

Batizada com a palavra Maori 'huka", que significa "espuma", as quedas fazem jus ao seu nome quando a água atinge as rochas da base.

Aqueles que desejam obter boas vistas sobre as quedas podem andar pela passarela, onde os visitantes ficam perto o suficiente para sentir a água pulverizada, ou fazer a caminhada da Huka Falls Trail.

Leia mais
Yarra River
star-4
320
36 excursões e atividades

O Rio Yarra flui para o oeste por mais de 240 km a partir de sua fonte no Yarra Ranges, em partes rurais e suburbanas de Melbourne até o centro da cidade e Docklands, onde ele deságua na Baía de Port Phillip. Pontes de transportes e de pedestres cruzam o rio, e você vai encontrar alguns dos mais populares campos de golfe e parques de Melbourne ao longo do seu curso.

Melbourne foi estabelecida às margens do Rio Yarra em 1835, e ele foi uma fonte vital d'água e transporte para os colonizadores da cidade. Hoje, o Rio Yarra passa pela Yarra Promenade e pela Flinders Street Station, no coração de Melbourne.

Remadores passam pelo Royal Botanic Gardens nas proximidades, e barcos de cruzeiro navegam o rio. Trilhas para pedalar ou caminhar também se espelham pelo caminho, e há áreas para piquenique na periferia suburbana de Yarra Bend e Warrandyte.

Leia mais
Sydney Harbour Bridge
star-5
282
191 excursões e atividades

Localizada na bela e icônica Baía de Sydney, a Harbour Bridge oferece vistas privilegiadas para as águas azuis magníficas que ajudam a fazer da baía um cenário espetacular.

Apelidada de "O Cabide" por causa de sua arquitetura baseada em arcos de aço, a Ponte da Baía de Sydney possui oito faixas de tráfego, duas ferrovias, uma via para pedestres e uma ciclovia, transportando os moradores e turistas a partir do Central Business District (CBD) para a North Shore (costa norte).

Visitantes interessados ​​em obter a melhor vista da ponte podem alcançá-la com a ajuda do BridgeClimb. Alpinistas podem optar por escalar o arco exterior ou o arco interior da ponte para obter vistas espetaculares e uma experiência totalmente única.

A ponte também desempenha um papel especial na véspera do Ano Novo, quando seus fogos de artifício atraem milhares de espectadores para as praias da baía ano após ano.

Leia mais
Sydney Harbour
star-4.5
247
163 excursões e atividades

Suas águas cristalinas e paisagens icônicas atraem visitantes de todo o mundo. Todos os dias, a Baía de Sydney é pontilhada com barcos à vela e balsas que se destacam nas vibrantes águas azuis. Com cerca de 150 milhas (240 quilômetros) de costa, a enseada tem uma extensão de tirar o fôlego.

Uma visita à Baía de Sydney não irá decepcionar, pois a área é o lar de muitas das principais atrações da Cidade e oferece algumas das suas melhores atividades de lazer. Uma atração que não pode ser perdida é a Ponte da Baía de Sydney, que você pode cruzar ou escalar para desfrutar de uma vista deslumbrante. A uma curta distância, estão o Jardim Zoológico Taronga, a área histórica de Rocks, Circular Quay, e a famosa Sydney Opera House.

Para obter as melhores vistas da baía, é recomendado desfrutar de um cruzeiro pelas suas águas, e talvez parar em uma das muitas ilhas que suas águas abraçam.

Leia mais

Austrália e o Pacífico: outras atrações

Coral Gardens

Coral Gardens

star-5
6
2 excursões e atividades
Bora Bora é uma das mais famosas ilhas da Polinésia Francesa. A ilha principal é cercada por uma lagoa, um recife de barreira, e pequenas ilhotas que ajudam a manter a água calma na maior parte do tempo. Em Bora Bora, em frente à ilha principal, você vai encontrar o fascinante Coral Gardens. Este recife de coral não fica muito abaixo da superfície da água, então é fácil e divertido de ver com um snorkel. Os visitantes podem admirar coloridos corais, bem como uma variedade de peixes que vivem na área. Alguns dos peixes que você pode ver incluem peixe borboleta, peixe-papagaio, baiacu, peixe-porco Picasso, pargo, garoupa, peixes trombeta, peixes zebra unicórnio, moreias japonesas e muitos outros. Em algumas áreas, é possível até mesmo ver tubarões e arraias.

Não há muitas praias públicas em Bora Bora já que elas são privadas dos resorts, então o acesso aos recifes do Coral Gardens é um pouco limitado, dependendo de onde você estiver hospedado.

Saiba mais
Franz Josef Glacier

Geleira Franz Josef

star-5
298
58 excursões e atividades

Uma das geleiras que se movem mais rápido no mundo, a Franz Josef é um espetacular rio de gelo. Também é uma das geleiras mais íngremes do mundo, erguendo-se por 2,5 km ao longo do seu persurso de 12 km através do vale, terminando na exuberante floresta temperada.

A geleira passa por caminhos irregulares que forçam a elevação do gelo, criando drásticos penhascos e rachaduras no gelo. Mais de 2.700 pessoas visitam o local por dia durante a alta temporada. Alguns exploram a frente do terminal, enquanto outros preferem os voos de helicóptero para admirar as vistas panorâmicas e ter acesso às quedas de gelo mais elevadas, para poderem clamar sobre o gelo e esculpir uma aventura na deslumbrante e desafiadora superfície.

Saiba mais
Sydney Opera House

Sydney Opera House

star-4.5
353
245 excursões e atividades
A Sydney Opera House é um centro cultural prominente da Austrália. Famosa por sua arquitetura de vanguarda, a série de velas feitas em azulejos brancos da construção são projetadas no porto de Bennelong Point, do topo de uma plataforma de granito rosa. A incônica estrutura foi projetada pelo arquiteto dinamarquês Jorn Utzon, e os australianos ficaram divididos sobre a sua concepção, desde que foi fundada, bastante acima do orçamento, em 1973. Recentemente reconhecida como Património Mundial da UNESCO, a ópera tem uma variedade de espaços sob suas velas.
Saiba mais
Mt. Otemanu

Monte Otemanu

star-5
1
3 excursões e atividades
O Monte Otemanu é o ponto mais alto de Bora Bora. Junto com o Monte Pahia, ele forma o que sobrou de um vulcão extinto que existia no centro da ilha. Ainda hoje seu terreno escarpado atinge alturas de 727 metros. Sua superfície preta acidentada faz um contraste impressionante com as selvas e o mar azul cristalino abaixo.

Enquanto é possível caminhar até o Monte Pahia, o Monte Otemanu é melhor apreciado da base. É impossível subir ao cume por causa da rocha vulcânica que é muito frágil para segurar o peso de uma pessoa. De acordo com os residentes, ninguém nunca conseguiu escalar até o topo. Mas você pode fazer uma caminhada até a base. O caminho é complicado e a selva é densa, então é recomendado levar um guia ou fazer um passeio de 4x4. Aqui você vai encontrar canhões americanos deixados na Segunda Guerra Mundial e antigos altares espalhados.

Saiba mais
Belvedere Lookout

Mirante de Belvedere

star-4
1
20 excursões e atividades
O Mirante de Belvedere é um ponto de vista cênico oferecendo vistas para a Baía de Cook, Opunohu Bay, Monte Rotui e o vale fértil de Opunohu, com suas muitas plantações de abacaxi, picos íngremes e declives menos acentuados. Há muitas maneiras de chegar ao topo - caminhadas, ATV, scooter ou carro - já que existe uma estrada que leva ao mirante.

Sendoa assim tão acessível, ele também é mais lotado, então pode levar algum tempo para conseguir fazer aquela foto perfeita. O horário mais popular para se visitar é ao pôr do sol, em torno de 17h30, quando se pode ver o céu e a paisagem iluminada por um arco-íris de vermelhos, rosas, amarelos, laranjas e roxos ao fundo. Lá no topo há uma banca com lanches, bebidas e souvenirs. E se você ainda tiver mais energia, pode acessar trilhas em meio à natureza para cachoeiras a partir do topo.

Saiba mais
Hamilton Island

Ilha Hamilton

8 excursões e atividades

A Ilha Hamilton é a segunda maior ilha habitada de Whitsunday e uma das principais atrações da região. É a maior ilha de resorts do Pacífico Sul e possui um mix de coisas para ver e fazer.

Sete piscinas, boutiques, galerias, bares, muitos restaurantes, mais de 40 atividades opcionais, trilhas para caminhada e uma galeria de coalas e animais selvagens são apenas alguns dos seus atrativos. Essas belas praias de Whitsunday podem tentar lhe convencer a não fazer mais nada além de ler um livro ou tomar um coquetel ao sol, mas se você quiser algo mais movimentado, tem muita coisa para mantê-lo ocupado. Snorkel, jetski, jogos de praia, vela, golfe, caiaque, corrida de cart ou até mesmo fazer uma aula de artes.

Saiba mais
Michaelmas Cay

Michaelmas Cay

star-5
1
4 excursões e atividades

Águas calmas e de visibilidade cristalina com centenas de peixes tropicais fazem de Michaelmas Cay um dos melhores destinos de mergulho e snorkeling fora de Cairns. Entusiastas de mergulho adoram o colorido coral encontrado bem abaixo da superfície do oceano e os animados pássaros que voam alto em cima. E o tempo gasto no barco também não é de se reclamar.

Tubarões leopardo, raias e tartarugas marinhas nadam entre os recifes de coral, e como a lagoa de areia é protegida, as condições de mergulho são ideais, independente do clima nas proximidades.

Saiba mais
Kuranda Scenic Railway

Kuranda Scenic Railway

star-4.5
126
15 excursões e atividades

Inaugurado em 1891, o Kuranda Scenic Railway fica a cerca de 33 km da pitoresca paisagem de Cairns. Esta popular atração passa pelas deslumbrantes cachoeiras de Barron e Stoney Creek. Enquanto alguns viajantes lamentam os túneis escuros e penhascos rochosos, a maioria concorda que as incríveis gargantas, verdejantes florestas e estrondosas cachoeiras fazem esta experiência valer a viagem.

Simpáticos funcionários e guias especializados ajudam a completar a experiência, tirando fotos da família para você e oferecendo um pouco de informação sobre a história e a construção da ferrovia. Sua atmosfera atenciosa e hospitaleira quase compensa a falta de ar-condicionado particularmente sentida em dias quentes australianos.

Saiba mais
Brisbane River

Rio Brisbane

star-4.5
12
25 excursões e atividades
Brisbane é uma cidade moldada pelo rio. É uma cidade de longas caminhadas no entardecer do verão e piqueniques na beira do rio nos finais de semana. Trazendo vida natural para o cenário urbano, o rio Brisbane é o local de muitas das melhores atrações, eventos e alegrias cotidianas de Brisbane.

As atividades mais populares no rio Brisbane incluem caiaque noturno através da cidade, explorar o rio em um CityCat, fazer um cruzeiro com jantar ou pegar uma balsa local para a margem oposta. Subir o Kangaroo Point Cliffs na beira do rio é uma popular atividade noturna, e muitos nativos e turistas aproveitam para subir a famosa Story Bridge, jantar nas margens do South Bank e relaxar com uma bebida no Eagle Street Pier.

Você também pode passear pelo Jardim Botânico da cidade - mais adiante na extremidade norte do rio -, ver um show ao vivo no famoso Riverstage, ir a um evento 'Up Late' da Galeria de Arte Moderna, ou ler à beira do rio.

Saiba mais
Te Papa (Museum of New Zealand Te Papa Tongarewa)

Museu da Nova Zelândia - Te Papa Tongarewa

star-3.5
3
43 excursões e atividades
O Te Papa Tongarewa está entre os melhores museus da Nova Zelândia.

Conhecido como Te Papa ("o nosso lugar"), o museu o guia de forma inspiradora e interativa através da história, arte e cultura da Nova Zelândia. As coleções valiosas do museu se concentram nas áreas da arte, história, Pacífico, cultura Maori e ambiente natural.

Tem um ar de frescor e vivacidade na curadoria do museu, com uma enorme coleção de artefatos Maori, centros de atividades interativos para as crianças, recriações de casas e assentamentos coloniais maori, exposições de arte contemporânea e alta tecnologia.

Faça um tour pelos destaques ou concentre-se na sua área de interesse preferida. Exposições itinerantes também são realizadas aqui.

Saiba mais
Kawarau Suspension Bridge

Ponte Suspensa do Kawarau

21 excursões e atividades

42 metros acima das águas do dramático desfiladeiro Kawarau, nenhuma atração é mais icônica em Queenstown que a histórica Ponte Kawarau. Construída em 1880, esta rústica ponte conectava Queenstown com as regiões de ouro de Otago. Com a construção de uma estrada de asfalto, no entanto, o tráfego deixou a ponte e ela começou a ser frequentada por ciclistas e corredores.

Então, em 1988, o aventureiro A.J. Hackett decidiu amarrar um cabo de bungy jump nos seus tornozelos e se jogar da ponte. Quando suas mãos mergulharam nas águas abaixo e a corda o puxou de volta em direção à ponte, começou oficialmente atividade de bungy jumping em Queenstown. Hoje, centenas de visitantes lotam a ponte para ver os mais corajosos saltando no desfiladeiro. Para os que estão tomando coragem, a correnteza da água em cascata através do desfiladeiro abafa os suspiros dos mais medrosos.

Saiba mais
Swan River

Rio Swan

star-5
38
38 excursões e atividades

O Rio Swan abre o seu caminho pelo meio da cidade de Perth, antes de chegar no mar.

Alimentado pelos rios Avon, Canning e Helena, o Rio Swan tem apenas cerca de 60 km de comprimento. Mais de 130 espécies de peixes o habitam, incluindo tubarões, bagres, arraias e sargo. Golfinhos também são vistos regularmente no estuário.

Uma das maneiras mais fáceis de apreciar a beleza do Rio Swan é simplesmente fazer um passeio ao longo de suas margens. Vias para ciclistas e pedestres contornam a costa, e parques ao longo das bordas do rio atraem os visitantes. Os circuitos no rio pela Narrows Bridge e Causeway também são percursos de 10 km que valem a pena.

Cruzeiros ao longo do rio Swan também são populares, muitas vezes com duração de algumas horas - ou simplesmente pegue a balsa em frente ao porto para uma opção mais barata. Jet boat e parapente são atividades menos adequadas para apreciar a beleza tranquila do rio, mas são garantia de adrenalina.

Saiba mais
Atherton Tablelands

Planalto de Atherton

star-5
1
15 excursões e atividades
O calor sufocante de Cairns, no norte de Queensland, contrasta com a paisagem fértil e exuberante do Planalto de Atherton. A uma viagem de carro tranquila de uma hora e meia, as cidades de Mareeba e Atherton são um refúgio agradável do calor e do agito de uma das maiores cidades tropicais da Austrália.

O Planalto de Atherton cobre uma área de 32 mil quilômetros quadrados e sua altitude varia de 500 a 1280 metros acima do nível do mar. As distintas condições climáticas lhe conferem uma diversificada e fotogênica gama de fenômenos naturais. Nada menos que 12 espécies de avifauna são exclusivas desse planalto, que abrange áreas uma vez florestadas e agora protegidas como um parque nacional. Com uma alta precipitação anual, cachoeiras são abundantes na área. Atrações locais incluem a observação de ornitorrincos, passeios de barco e balão de ar quente, e a região é famosa por seus mercados de produtores e vinícolas.

Saiba mais
Uluru (Ayers Rock)

Ayers Rock (Uluru)

star-5
183
42 excursões e atividades
Uluru - ou Ayers Rock - é símbolo de orgulho da Austrália, e local de significado espiritual para o povo Anangu. Como um iceberg, acredita-se que apenas um terço da grande rocha vermelha encontra-se acima do solo. O que podemos ver, 3,6 km de comprimento, 348 metros de altura, por isso, Uluru é uma rocha terrivelmente grande. Ayers Rock é conhecida por suas cores fabulosas ao amanhecer e ao pôr do sol, quando a superfície da rocha escavada passa de ocre marrom para um rico laranja polido. Trilhas em torno da base da rocha, vão de passeios fáceis de 45 minutos para circum-navegação que pode levar até quatro horas e passa por cavernas, pinturas e locais sagrados. As pessoas Anangu pedem aos visitantes para não subir a rocha sagrada, e é uma subida íngreme perigosa e com muito vento. Em vez disso, fazer um passeio conduzido pelos Anangu é uma experiência muito gratificante, como é visitar seu centro cultural e aprender as histórias de 'Dreamtime' e significado da cultura local.
Saiba mais

icon_solid_phone
Reserve online ou por telefone
+55 (21) 3956-1660
+55 (21) 3956-1660