Buscas recentes
Limpar

Saiba mais sobre a nossa resposta ao Covid-19.

Leia mais

Lanzarote Atrações

Categoria

Timanfaya National Park (Parque Nacional de Timanfaya)
34 excursões e atividades

Com os seus montes ainda fumegantes de pedras vulcânicas e campos áridos de lava, o solo vulcânico do Parque Nacional de Timanfaya contrasta com as praias animadas que tornaram Lanzarote conhecida. O ponto de destaque da área protegida é a dramática cordilheira de pedras vermelhas e pretas, apropriadamente chamada de Montanhas de Fogo (Montañas de Fuego), após uma série de erupções no século 18, que cobriram toda a ilha com cinzas vulcânicas e lava, remodelando completamente a sua topografia.

Hoje, os vulcões estão adormecidos, mas a área continua sendo uma poderosa fonte de energia geotérmica, graças a uma câmara de magma residual - um fato demonstrado com entusiasmo por guias que atiram ramos nos buracos fumegantes, onde a madeira rapidamente explode em chamas.

O acesso ao Parque Nacional de Timanfaya é restrito às visitas guiadas, e a maioria dos visitantes do parque opta por fazer as excursões de ônibus incluídas no preço do ingresso.

Leia mais
Los Hervideros
18 excursões e atividades
Uma combinação extraordinária de rochas, cavernas e tubos de lava espalhados pela costa oeste de Lanzarote, as falésias costeiras de Los Hervideros estão entre as atrações geológicas mais incomuns da ilha. Formado durante as erupções dos vulcões Timanfaya no século 18, o litoral dramático hoje em dia é adornado com afiadas colunas, arcos deformados e esculturas rochosas naturais, criadas quando a lava quente encontrou as ondas geladas.

Enquanto a paisagem única oferece algumas belas oportunidades para foto, o verdadeiro destaque ao visitar Los Hervideros está em assistir as ondas quebrando na costa. Olhando do topo da falésia, os visitantes podem testemunhar o espetáculo natural, com as ondas explodindo contra as rochas e a água fluindo através de passagens, e projetando jatos de água do mar para cima - um bom exemplo de como as falésias adquiriram o seu nome - Los Hervideros traduz para "águas em ebulição".

Leia mais
Jameos del Agua
19 excursões e atividades
Parte maravilha natural, parte luxuoso resort de praia, Jameos del Agua é uma das atrações mais legais das Ilhas Canárias, construído dentro de uma série de cavernas de lava na costa nordeste de Lanzarote. Uma obra-prima do artista e arquiteto local César Manrique, o complexo subterrâneo faz uso inovador da paisagem vulcânica natural, formada pela erupção do vulcão La Corona, há cerca de 4 mil anos atrás, e dispõe de um bar, restaurante, discoteca e piscina.

Criado em 1968, a visão criativa de Manrique explora uma série de tubos de lava desmoronados, ou 'Jameos', onde a pressão formada fez com que a cobertura caísse, resultando em um local atmosférico com uma piscina ao ar livre. Outros destaques incluem uma série de galerias subterrâneas dedicadas à história vulcânica da ilha, uma sala de concertos que faz uso da acústica natural da caverna, e um lago subterrâneo, famoso por sua população endêmica de caranguejo Albino cego (uma espécie encontrada apenas aqui.

Leia mais
Papagayo Beach (Playa de Papagayo)
7 excursões e atividades
Uma de uma série de praias e baías que revestem a costa sul de Lanzarote, a Playa de Papagayo fica dentro do parque do Monumento Natural de Los Ajaches e é considerada uma das mais belas praias da ilha. Uma baía em forma de ferradura escondida entre falésias e abençoada com trechos de areia clara dourada, Papagayo é uma excelente opção para nadar, mergulhar e praticar esportes aquáticos.

Uma visita a Playa de Papagayo é facilmente combinada com a exploração das praias vizinhas - Playa de Afe, Playa de Mujeres, Playa Pozo e Playa de la Cera - muitas vezes coletivamente referidas como as 'praias de Papagayo'. As praias estão ligadas por um calçadão costeiro, que corre desde Punta Papagayo até Playa Blanca, e são famosas por suas areias finas, águas mornas e claras, e variedade de peixes exóticos.

Leia mais
El Golfo
10 excursões e atividades
Longe das areias douradas e águas azuis dos principais resorts de praia de Lanzarote, a paisagem costeira de El Golfo abriga uma das áreas geológicas mais únicas da ilha. Um raro exemplo de um antigo vulcão, uma combinação de erupções vulcânicas e erosões marítimas marcaram a costa com uma cratera em forma de meia-lua, o Lago Verde, separado do mar por uma faixa de areia preta.

Olhar em direção a praia a partir das falésias circundantes é a melhor maneira de ver o local, uma paisagem de outro mundo, famosa por seus contrastes surpreendentes de cores e formas. As águas verde-limão do lago da cratera (resultado das algas Ruppia Maritima que vivem nas águas) parecem quase luminosas contra a praia de areia preta, uma mistura peculiar de areia vulcânica preta e pedras verdes Olivina, e a pequena baía é emoldurada por uma cadeia de rochas vulcânicas erodidas.

Leia mais
Playa del Janubio
Uma excursão ou atividade
Você pode sentir o ar salgado quando as bordas das ondas brancas colidem com as areias negras da Playa del Janubio. Ao lado da bela praia ficam salinas históricas que foram usadas para coletar e extrair o sal da água do mar por séculos. A água evapora nas lagoas rasas, deixando o sal para trás. Na época anterior à refrigeração, o sal era ainda mais valorizado pelas suas qualidades de conservação de alimentos. O que sobrou da produção de sal e comércio por aqui, incluindo um pequeno moinho de vento, lembra o passado desta área.

Hoje em dia, a praia, formada pelo colapso da rocha vulcânica, ainda é um belo lugar para passear à beira-mar. Dependendo da época, você pode ver uma variedade de aves locais. As correntes são geralmente bem fortes na praia, e as poderosas ondas são belíssimas de se assistir a partir da costa.

Leia mais
Jardín de Cactus (Cactus Garden)
8 excursões e atividades
Cactus recebe o seu devido respeito neste "espinhoso" jardim de Lanzarote, inaugurado em 1990. O Jardím de Cactus foi idealizado por César Manrique, o pintor, escultor e arquiteto nativo da ilha cuja obra tornou-se famosa por balancear a arte e a natureza. O cactário, que ocupa uma antiga pedreira, é o lar de 7200 cactos de 1100 espécies diferentes, todas provenientes de lugares distantes, como Américas e África.

Enquanto estiver lá, você pode passear pelos vários níveis do jardim em forma de anfiteatro, atravessando seus muitos caminhos, todos alinhados por formações rochosas peculiares, vários recursos de água e, claro, as próprias plantas espinhosas. Espie o gigante moinho de vento de estilo 'Don Quijote' que preside o jardim, e em seguida, visite a loja lotada de produtos artesanais ou coma algo no restaurante e terraço.

Leia mais
LagOmar
Uma excursão ou atividade
Prove o verdadeiro sabor de Lanzarote de diferentes maneiras em LagOmar, onde o museu, o restaurante, o bar e os chalés são todos envoltos em uma mágica paisagem de lava. Uma vez uma propriedade particular, a estrutura foi construída em uma pedreira vulcânica, em um cenário de oásis cheio de cavernas, espetaculares vistas da ilha, jardins exclusivos e arquitetura.

A propriedade foi concebida pelo artista e arquiteto local César Manrique, desenhada por José Soto e mais tarde concluída por outros arquitetos. Talvez mais famosa do que os criadores de LagOmar seja a história do seu então proprietário, o ator Omar Sharif, que veio à ilha para filmar um filme, apaixonou-se pela propriedade e a comprou. Mas, infelizmente, os rumores contam que ele foi o seu dono por apenas um dia antes de perdê-la em uma aposta. Seja qual for a história, a propriedade de hoje pode ser visitada e apreciada de diferentes formas. Vá ao museu, aprenda sobre a história do local e veja as exposições de arte.

Leia mais
César Manrique Foundation (Fundación César Manrique)
10 excursões e atividades
A arte e a arquitetura encontram a natureza na Fundação César Manrique. Situada na antiga casa de Manrique, a fundação se funde em uma paisagem de rocha de lava e oferece um vislumbre visualmente deslumbrante do trabalho nativo de Lanzarote.

Manrique, um artista e arquiteto, deixou sua inegável marca na ilha, mas não apenas através de suas criações, ele próprio impactando o horizonte de Lanzarote. Na verdade, graças aos seus esforços, ele ajudou a assegurar que o crescimento do turismo não resultasse em coleções de arranha-céus na paisagem. É uma missão que continua até hoje através da fundação, que visa não só preservar a obra de Manrique, mas também levar adiante as causas ambientais e artísticas importantes para ele.

A casa em si fica no rastro de uma erupção vulcânica do século 18 que mudou bastante o terreno de Lanzarote. Ela não é construída na lava congelada no tempo, mas em meio a ela, com o espaço inferior ocupando cinco bolhas vulcânicas.

Leia mais
Famara Beach (Playa de Famara)
3 excursões e atividades
Um trecho de quase 3km de areia dourada cercado por falésias, o cenário pitoresco da Playa de Famara já conquistou uma legião de fãs, entre eles o renomado artista local César Manrique e o cineasta espanhol Pedro Almodóvar. Os arredores dramáticos tornaram a praia extremamente popular entre os moradores locais, e há muitas oportunidades para explorá-la, como andar nas dunas de areia, trilhas através das falésias de El Risco (o pico mais alto de Lanzarote) ou saborear os frutos do mar frescos na tradicional aldeia de pescadores de Caleta de Famara.

Beneficiando de ventos consistentes e ondas espetaculares, a praia também é privilegiada para esportes aquáticos, com as atividades mais populares incluindo surf, windsurf e kitesurf, bem como asa-delta das falésias costeiras.

Leia mais

Lanzarote: outras atrações

La Graciosa

La Graciosa

3 excursões e atividades
Aqueles que procuram uma mudança de ritmo dos movimentados resorts de praia e animada vida noturna de Lanzarote, vão achar a tranquila ilha La Graciosa um lugar encantador, a uma curta viagem de barco da costa norte da ilha. Maior e única ilha habitada do pequeno arquipélago Chinijo, La Graciosa é o lar de apenas 600 pessoas, não tem estradas ou abastecimento de água natural, nem hotéis, tornando-se o local perfeito para ficar longe de tudo.

Com a sua paisagem paradisíaca, praias arenosas, dunas deslumbrantes e montanhas vulcânicas, a maioria dos visitantes vêm para La Graciosa para aproveitar o cenário, e a locomoção na ilha de 30 quilômetros quadrados é feita a pé, de jipe ou táxi aquático. Além de natação e banhos de sol, as formas de entretenimento mais populares para os visitantes incluem os cruzeiros ao redor das ilhas vizinhas, andar de bicicleta ao longo da costa ou mergulhar com cilindro na reserva marinha circundante.

Saiba mais
La Geria

La Geria

2 excursões e atividades
O terreno vulcânico de Lanzarote pode não parecer o lugar ideal para a produção de vinho, mas as Ilhas Canárias são famosas pelas suas tradicionais uvas Malvasia, produzindo o famoso vinho doce Malvasia, entre outros. O distrito de La Geria tem se destacado por produzir os melhores vinhos das ilhas, e passeios pelas vinícolas (bodegas) foram popularizados pelos turistas, proporcionando a oportunidade de provar uma gama de variedades de branco, tinto e rosé daqui.

Além da degustação de vinhos, a paisagem lunar dos vinhedos é a maior atração do La Geria. Ao contrário dos vinhedos em camadas frequentemente associados com o cultivo de uvas, aqui cada vinha é plantada em um "zoco" - um fosso individual de 0,9 metros de profundidade, protegido por um muro de pedra semi-circular.

Saiba mais
Fire Mountains (Montañas del Fuego)

Montanhas de Fogo

Uma vasta gama de picos pretos e vermelhos dominam a paisagem do Parque Nacional de Timanfaya, as sugestivamente nomeadas Montanhas de Fogo (Montañas del Fuego) servem como um lembrete do passado "explosivo" de Lanzarote. Embora a última erupção tenha sido registrada em 1824, a mais memorável foi a série de erupções do século 18 - elas cobriram uma grande parte de Lanzarote de cinzas e lava quente e criou grande parte da topografia sobrenatural da ilha, incluindo as maravilhas naturais como o lago da cratera El Golfo e as falésias Fervedouros.

Hoje, as montanhas são classificados como adormecidas, mas uma crosta de magma anômala ainda permanece sob a superfície, criando uma área geotérmica cheia de aberturas fumegantes e fogueiras. Devido ao calor intenso e à atividade geotérmica, caminhadas em torno das Montanhas de Fogo não são permitidas e a melhor maneira de aproveitar as vistas é fazer uma excursão de ônibus guiada pela cênica rota dos Vulcões.

Saiba mais
Janubio Salt Pans

Planícies de Sal de Janubio

O sal tem desempenhado um papel importante em Lanzarote desde o final do século 19, sendo responsável por uma grande percentagem do rendimento industrial da ilha e até mesmo deixando a sua marca na cultura local - durante a tradicional festa de Corpus Christi, sais tingidos brilhantemente são usados para decorar a rua com grandes obras de arte coloridas. Hoje, a indústria de sal está em declínio, mas várias salinas tradicionais da ilha permanecem em uso - planícies feitas pelo homem onde a água do mar é canalizada e deixada para cristalizar, permitindo que o sal do mar seja coletado.

As Planícies de Sal de Janubio são as mais famosas da ilha, criadas no início do século 20 por Victor Fernandez e ocupando mais de 440 mil metros quadrados, a maior refinaria de sal nas Ilhas Canárias. Hoje, a área é um local protegido do patrimônio nacional e produz até 10 mil toneladas de sal por ano, coletado à mão durante os meses de verão.

Saiba mais
Villa de Teguise

Villa de Teguise

Nos anos 1400, a Villa de Teguise era central na vida de Lanzarote, servindo como a capital da ilha até o século 19. Sua localização era especialmente privilegiada: o Monte Guanapay, sobre o qual a cidade estava edificada, é o mirante ideal, proporcionando vistas de quase todos os lados da costa da ilha, e, assim, protegendo-a contra os ataques piratas.

La Villa (como é conhecida pelos habitantes locais) não é mais a capital, mas continua sendo uma das aldeias antigas mais bem preservadas das Ilhas Canárias. Um passeio através das suas ruas repletas de construções caiadas de branco proporciona um vislumbre do passado, através de pontos turísticos como a Igreja Nuestra Señora de Guadalupe e o Castelo de Santa Bárbara, do século 15. A torre que virou uma fortaleza hoje abriga o Museu Pirata, que oferece história e vistas fenomenais.

Saiba mais
Playa Blanca

Playa Blanca

Se as praias de areia branca são a sua cara, então a Playa Blanca é o seu lugar. Esta uma vez humilde aldeia de pescadores oferece mais do que apenas uma praia, são várias praias, bem como um animado restaurante e lojas.

Embora a parte do sul seja o lar de um grupo de resorts, ela ainda mantém uma atmosfera relaxante, diferente do agito da vida noturna encontrado em Puerto del Carmen. Mesmo assim, ela é cheia de restaurantes, bares e estabelecimentos de frutos do mar de frente para o porto - todos ansiosos para satisfazer qualquer desejo dos visitantes que chegam sedentos por um pouco de conforto e tudo mais que eles têm direito. Se as praias foram o que realmente motivaram a sua viagem, dirija-se ao oeste do porto e você será recompensado por margens atraentes, incluindo aquelas encontradas em Playa Dorada e Playa Flamingo.

Saiba mais

icon_solid_phone
Reserve online ou por telefone
+55 (21) 3956-1660
+55 (21) 3956-1660